Orientação Nutricional

Orientação Nutricional em Pediatria

Amamentação

Até o 6º mês de vida o bebê deve se alimentar exclusivamente de leite materno por vários motivos:

• O leite materno contém todos os nutrientes que o bebê precisa em quantidades adequadas.
• Tem água suficiente, mesmo em clima seco e quente.
• Diminui o risco de anemia no bebê.
• Protege contra as infecções e alergias no bebê.


• Diminui a chance de câncer de mama, útero e ovário na mãe.
• Reduz o tempo de sangramento pós-parto e faz o útero da mãe voltar mais rápido ao normal.
• Melhora o padrão respiratório nasal do bebê.
• Reduz a ocorrência de osteoporose para a mãe.
• O ato de sugar o seio materno desenvolve e fortalece a musculatura da boca, desenvolve a dentição, melhora o desempenho da mastigação e da fala,
• Favorece estabilidade emocional proporcionando maior adaptação nas etapas da vida,
• Fortalece relacionamento entre mãe e filho, transmitindo amor, carinho e segurança ao bebê.

Características do leite

Colostro - fluido amarelado e viscoso. Aparece por alguns dias após o parto em pequeno volume, porém muito rico em proteínas, vitaminas e sais minerais. Contém muitos anticorpos, protegendo o bebê contra infecções. É considerado a primeira imunidade do bebê.

Leite de transição - entre 7º e o 15º dia a composição do leite materno muda atendendo as novas necessidades nutricionais do bebê.

Leite maduro - tem coloração mais branca com alta concentração de gorduras essenciais ao bebê. O leite materno sempre que possível deve ser dado ao bebê até os dois anos de vida, porém a partir do 6º mês outros alimentos devem ser incluídos gradativamente conforme orientação profissional.

O leite de vaca integral (pó ou líquido) NÃO é indicado para crianças abaixo de 1 ano de idade (mesmo quando são mais diluídos que o normal) devido ao alto teor de proteínas de difícil digestibilidade além de outros nutrientes que sobrecarregam a função renal, além de expor a criança à anemia por deficiência de ferro e alergias. Porém em alguns casos o aleitamento materno não é possível. Nestes casos, é indicado o uso de fórmulas láctes de acordo com a fase de vida da criança.

Fórmula de Partida

São os leites indicados na lata como 1º semestre ou simplesmente 1. Preenchem adequadamente as necessidades nutricionais de crianças saudáveis até 6 meses de idade.

Fórmula de Seguimento

São os leites indicados nas latas como 2º semestre ou simplesmente 2. Preenchem adequadamente as necessidades nutricionais de crianças saudáveis de 6 meses a 1 ano de idade.
O acréscimo de farinhas às fórmulas infantis deve ser feito sob orientação profissional.

Alimentação a partir do 6º mês

A introdução de outros alimentos deve ser feita em pequenas quantidades, aumentando gradativamente de acordo com a aceitação da criança. É comum que a criança “cuspa” alguns alimentos, o que não significa que ela não tenha gostado, esta é a maneira da criança conhecer a textura dos alimentos, às vezes são necessárias oito a dez exposições para que ele seja aceito. Os primeiros alimentos a serem oferecidos são sucos naturais e as papas de frutas, o suco na parte da manhã no intervalo das mamadas e a papa de frutas na parte da tarde, amassada com garfo sem açúcar. Não é aconselhável o uso do liquidificador ou peneira, pois a criança necessita
de alimentos que estimulem a mastigação, além de maior consumo de fibras.

As papas salgadas devem ser introduzidas em média, duas semanas após a introdução dos sucos e papas de frutas. Inicia-se com uma vez ao dia no horário do almoço e após o 7º mês, poderão ser oferecidas também no jantar conforme orientação profissional.

Dez passos para uma alimentação saudável

1. Dar somente leite materno até os 6 meses de idade,

2. A partir dos 6 meses, introduzir de forma lenta e gradual outros alimentos mantendo o leite materno de preferência até os 2 anos de idade,

3. A partir dos 6 meses, dar alimentos complementares (cereais, tubérculos, carnes, leguminosas, frutas e legumes) três vezes ao dia se a criança estiver recebendo leite materno e cinco se tiver desmamada,

4. A alimentação deve ser oferecida de colher, começando na consistência pastosa (papas e purês) e aumentar gradativamente até chegar à alimentação da família,

5. Estimular o consumo diário de verduras, frutas e legumes nas refeições,

6. Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos, biscoitos recheados, chocolates, guaraná natural e outras guloseimas nos primeiros anos de vida, usar sal com moderação, não usar sucos nem temperos industrializados.

7. Cuidar da higiene no preparo e manuseio dos alimentos, garantir o seu armazenamento e conservação adequados,

8. A alimentação complementar deve ser oferecida sem rigidez de horários, respeitando sempre a vontade da criança,

9. Estimular a criança doente a comer oferecendo sua alimentação habitual e seus alimentos preferidos, respeitando sua aceitação e a dieta mais adequada,

10. Oferecer à criança, com freqüência diferentes alimentos no 1º ano de vida.

Elaboração:
Nutricionista Eliane dos Santos Moreira Lima

Pediatria

15

É a especialidade médica dedicada à assistência à criança e ao adolescente. nos seus diversos aspectos, sejam eles preventivos ou curativos.


  1. A síndrome da pernas inquietas
  2. Aleitamento materno
  3. Audição de recém nascido
  4. Autismo
  5. Brotoeja
  6. Caxumba, parotidite infecciosa
  7. veja mais...

Ferramentas

Nomes de Bebê

16 
  • Descubra o significado
  • origem
  • E curiosidades de mais de 1.500 nomes

Leia mais

Numerologia

  • Os números podem ajudar na hora de decidir o nome do bebê. Faça o cálculo.

Leia mais

Calculadora de Gravidez

  • Confira, aqui, a data estimada da concepção e também o dia provável do parto.

Leia mais

Horóscopo

  • Seu signo diz muito sobre a gravidez e a relação com os filhos.

Leia mais

© Hospital e Maternidade Domingos Lourenço. Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. - Saiba como chegar CLIQUE AQUI

Rua Prof. Alfredo G Filgueiras, 230 - CEP: 26525-060  - Centro - Nilópolis - Rio de Janeiro - RJ -  (21) 3236-9300

TOP

Temos 40 visitantes e Nenhum membro online

Copyrights 2016. Todos os direitos reservados.

GSK DESIGN by domingoslourenco.com.br